Significado de Teorema de Coase

Compartilhar o significado de Teorema de Coase no Facebook

O Teorema de Coase é uma importante teoria econômica que aborda a questão das externalidades de uma forma inovadora. De acordo com esse teorema, as externalidades não necessariamente levam a uma alocação ineficiente de recursos, desde que os custos de transação sejam baixos e os direitos de propriedade estejam bem definidos e respeitados.

Em outras palavras, se os agentes econômicos envolvidos em uma externalidade conseguirem negociar entre si sem custos significativos, eles têm o incentivo de chegar a um acordo mutuamente benéfico. Isso significa que a externalidade, seja ela positiva ou negativa, pode ser internalizada no mercado, sem a necessidade de intervenção governamental.

O Teorema de Coase também ressalta a importância do poder de negociação e do direito de propriedade na resolução de conflitos relacionados às externalidades. Aquele que detém o poder de veto ou o direito de uso sobre o recurso em questão tem a capacidade de influenciar o resultado da negociação, o que pode levar a uma alocação mais eficiente dos recursos.

Em resumo, o Teorema de Coase mostra que, em um ambiente de baixos custos de transação e direitos de propriedade bem definidos, os agentes econômicos têm a capacidade de resolver problemas de externalidades de forma eficiente, sem a necessidade de intervenção externa. Isso ressalta a importância da negociação e do respeito aos direitos de propriedade no funcionamento do mercado.

Voltar para ajuda

Termos Relacionados a sua Pesquisa: