Significado de Giffen, Robert (1837-1910)

Compartilhar o significado de Giffen, Robert (1837-1910) no Facebook

Robert Giffen, nascido na Inglaterra em 1837, começou sua carreira como jornalista em Londres no ano de 1862. Com o passar do tempo, ele se destacou e se tornou chefe do departamento de estatística na Câmara do Comércio, sendo promovido a secretário assistente em 1889.

Apesar de ter sido reconhecido por suas contribuições, Giffen ficou mais conhecido por um efeito da teoria do consumidor que recebeu o nome de Paradoxo de Giffen. Curiosamente, o próprio Giffen nunca formulou tal paradoxo, sendo atribuído a ele por Marshall na terceira edição dos Principles.

O Paradoxo de Giffen refere-se ao aumento da demanda de um bem quando seu preço aumenta, devido à redução da renda real do consumidor. Esse comportamento paradoxal resultaria em uma inclinação positiva na curva da demanda de certos produtos, contrariando a lógica tradicional da lei da demanda.

Para ilustrar esse paradoxo, Marshall mencionou o exemplo do preço do pão. O aumento no preço do pão, por exemplo, levaria as famílias de trabalhadores pobres a reduzir o consumo de carne e de alimentos mais caros, devido à alteração em seus recursos e na utilidade marginal do dinheiro. Assim, mesmo diante do aumento de preço, o consumo de pão poderia aumentar, por ser o alimento mais acessível para essa parcela da população.

Em suma, o legado de Robert Giffen na economia está associado a esse paradoxo que leva a uma reflexão sobre o comportamento dos consumidores diante das mudanças nos preços e na renda. Apesar de não ter sido o criador do paradoxo, sua contribuição para a teoria econômica é reconhecida e permanece como objeto de estudo e debate entre os economistas até os dias atuais.

Voltar para ajuda

Termos Relacionados a sua Pesquisa: